1 – Mais-Valia é ...


a) ... a apropriação, por parte do burguês, do excedente da rigueza produzida pelo empregado.

b) ... a situação de exploração do proletáriado sobre o burguês.

c) ... o contingente de desempregado que buscam um emprego.

d) ... o capital exclusivamente produzido a partir do comércio.





2 – (Sociologia e Filme) O Filme intitulado “Cão de Briga” relata a situação de um homem que foi criado como um cão de briga e que devido a esse fato agia como tal. No decorrer do filme esse homem/cão conhece uma nova família e passa a aprender novos comportamentos. Leia as afirmativas abaixo e julgue:


I - Trata-se de um fenômeno impossível de ocorrer na vida real.

II – O filme evidencia que o ser humano está em constante processo de socialização.

III – O caso de ser criado como um animal não é só na ficção. Já houve diversos casos de crianças que foram criadas sem contato humano, as quais se comportavam como animais irracionais.

IV – Esse caso não se aplica ao estudo da Sociologia, por se tratar se um objeto da Biologia.

a) Estão corretas as afirmativas I e II apenas.

b) Estão incorretas as afirmativas I e II apenas.

c) Estão corretas as afirmativas II e III apenas.

d)Estão corretas as afirmativas I e IV apenas.






3 - Por socialização entendemos o processo:

a) Por meio do qual o indivíduo aprende a ser um membro da sociedade.

b) De divisão da riqueza social produzido pelos homens.

c) De construção de laços de afetividade.

d) De transformação da comunidade em sociedade.




4 - Analise os seguintes aspectos:


I Concentração dos meios de produção em um pequeno segmento da população.

II Trabalho realizado por uma massa de trabalhadores assalariados.

III Permanente inovação técnica no sistema de produção.

De acordo com os estudos de Marx, esses são atributos de um sistema de produção

a) mercantilista. b) alemão. c) rural. d) capitalista.



5 - “Socialização significa o processo pelo qual um indivíduo se torna um membro ativo da sociedade em que nasceu, isto é, comporta-se de acordo com seus folkways e mores [...]. Há pouca dúvida de que a sociedade, por suas exigências sobre os indivíduos determina, em grande parte, o tipo de personalidade que predominará. Naturalmente, numa sociedade complexa como a nossa, com extrema heterogeneidade de padrões, haverá consideráveis variações. Seria, portanto, exagerado dizer que a cultura produz uma personalidade totalmente estereotipada. A sociedade proporciona, antes, os limites dentro dos quais a personalidade se desenvolverá”. Fonte: KOENIG, S. Elementos de Sociologia. Tradução de Vera Borda, Rio de Janeiro, Zahar Editores, 1967, p. 70-75.

Com base no texto e nos conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:

a) Existe uma interação entre a cultura e a personalidade, o que faz com que as individualidades sejam influenciadas de diferentes modos e graus pelo ambiente social.

b) A sociedade impõe, por suas exigências, aprovações e desaprovações, o tipo de personalidade que o indivíduo terá.

c) O indivíduo já nasce com uma personalidade que dificilmente mudará por influência da sociedade ou do meio ambiente.

d) São as tendências hereditárias e não é a sociedade que determinam a personalidade do indivíduo.


6 - Ao desempenhar meus deveres de irmão, de esposo ou de cidadão, quando me desincumbo de encargos que contraí, pratico ações que estão definidas fora de mim e de meus atos, no direito e nos costumes. Mesmo estando em acordo com sentimentos que me são próprios, sentindo-lhes interiormente a realidade, esta não deixa de ser objetiva, pois não fui eu quem os criou, mas recebi-os por meio da educação. Estamos, pois, diante de maneiras de agir, de pensar e de sentir que apresentam a propriedade marcante de existir fora das consciências individuais. (DURKHEIM, 1984; p. 142. Adaptações).


Este texto enumera diferentes papéis sociais que são assumidos no processo de

a) representações coletivas dotadas de individualidade.

b) socialização vivenciado nos diferentes grupos sociais e assimilados pela educação.

c) socialização por meio de ações não-culturais.

d) dotação de poder afetivo que acompanha as confrontações de estudos científicos.



7 – Com relação a Estratificação Social é incorreto afirma que:

a) no caso das Castas a posição social lhe é atribuída por ocasião do nascimento, independentemente de sua vontade e sem perspectiva de mudança. Ele carrega consigo, por toda a vida, a posição social herdada.

b) Estamento ou estado é uma camada social semelhante à casta, porém mais aberta. Na sociedade estamental a mobilidade social ascendente é difícil, porém não impossível, como na sociedade de castas.

c) São três os principais tipo de estratificação social: Estratificação econômica; Estratificação política; Estratificação profissional

d) Nos Estamentos existe maior mobilidade social do que nas Classes Sociais e nas Castas.



8 – Podemos definir STATUS com:

a) papel desempenhado por uma pessoa na estrutura social de acordo com seu cargo ocupado no grupo.

b) posição que a pessoa ocupa na estrutura social de acordo com o julgamento coletivo ou consenso de opinião do grupo.

c) é a capacidade econômica de um indivíduo frente a sociedade.

d) é uma representação social não reconhecida pelo grupo social.



9 – Trata-se de um status atribuído:


a) Prefeito.

b) Senador.

c) Embaixador.

d) Rei.



10 – Ao explicar a estratificação das sociedades modernas os marxistas afirmam que:

a) trata-se de uma desigualdade social normal em qualquer sociedade.

b) trata-se de uma situação marcada pela luta de classes, a qual se configura pela posse ou não de riqueza.

c) trata-se da explicação de como as sociedades medievais estavam organizadas.

d) trata-se da explicação da realidade social de países socialistas.

 
11 - “Meu cabelo enrolado. Todos querem imitar. Eles estão baratinado. Também querem enrolar... Você... ri da minha roupa. Você ri do meu cabelo. Você ri da minha pele. Você ri do meu sorriso. A verdade é que você (Todo brasileiro tem!). Tem sangue crioulo. Tem cabelo duro. Sarará, sarará. Sarará, sarará. Sarará crioulo...” (Música “Olhos Coloridos” – Sandra de Sá/Composição de Macau).


A música “Olhos Coloridos” apresenta a miscigenação de raça existente no Brasil. Tal mistura não se deu apenas na cor da pele, mas também em aspectos culturais, o que proporcionou condições de termos hoje um país ...

a) Bilinguístico.

b) Um país subdesenvolvido.

c) Um país multicultural.

d) Um país com diversas religiões oficiais.



12 – Os movimentos sociais não são novidades históricas, mas são nos anos sessenta, do século passado, que através ________________ e de outros movimentos contra discriminação e subordinação de determinados grupos, como o dos homossexuais, dos negros e de outras __________________, que sinalizam as profundas transformações culturais incorporadas agora no nosso dia. O desenvolvimento tecnológico e o avanço do domínio dos homens sobre a natureza, questões como a exclusão social, o aquecimento global, entre outras, colocaram novos problemas para a espécie humana e para o futuro do planeta dando origem a novos movimentos entre os quais os ____________________ em suas diferentes correntes. Assinale a alternativa que preencha corretamente as lacunas do texto apresentado.

a) do feminismo - minorias raciais - movimentos democráticos

b) do machismo - minorias raciais - movimentos ecológicos

c) da feminilidade - minorias sociais – movimentos ecológicos

d) da feminilidade - minorias sexuais – movimentos ambientais

e) do feminismo - minorias sociais - movimentos ambientais



13 - Leia o texto a seguir:

“[...] Em toda parte renasce e se revigora o mau-olhado, a política do julgamento adverso à primeira vista,por meio da qual os países ricos se defendem contra aqueles que procedem de países que entraram no índex político da seleção natural: virtude humana é o dinheiro, uma virtude detergente que branqueia quem vem do mundo subdesenvolvido. Na verdade, o migrante entra no país de destino pela porta de saída, modo de permitir-lhe permanecer como se estivesse todo o tempo da permanência a caminho da saída, algo que concretamente ocorre com os muitos que na Alemanha ou nos Estados Unidos aguardam na prisão a deportação. [...] Estamos em face de uma multiplicação de recursos ideológicos para barrar a entrada de migrantes nos países de destino. Até 11 de setembro [de 2001] funcionava o estereótipo de traficante (uma cara de índio latino-americano era perfeita para barrar passageiros no desembarque) e o estereótipo de desempregado (a condição de jovem tem sido perfeita para discriminar) ou o estereótipo de prostituta (jovem e mulher vinda do Terceiro Mundo), e terrorista (cara de árabe ou barbudo ou mesmo bigode à moda do Oriente-médio). Agora, estamos vivendo o momento mais interessante de reelaboração dos estereótipos, com o predomínio do temor ao terrorista sobre os estereótipos usados até aqui. Registros e denúncias dos últimos meses indicam que o novo estereótipo abrange também pessoas com aparência de ricas [...].O critério da discriminação visual do migrante nem mesmo pode detectar sua principal motivação para migrar que é hoje o trabalho. [...] Os agentes do mau olhado portuário e aeroportuário não podem ver esse conteúdo substancialmente específico da migração por um motivo simples: os migrantes são pessoas que em boa parte já foram socializadas no mesmo registro sociológico daqueles que devem e esperam barrá-los. (MARTINS, J. de S. Segurança nacional e insegurança trabalhista: os migrantes na encruzilhada. In: Caderno de Direito - FESO,Teresópolis, ano V, n. 7, 2 semestre 2004, p. 113- 127.)

De acordo com o texto, é correto afirmar que depois do 11 de setembro de 2001

a) a globalização continuou ampliando as fronteiras entre os povos ricos e pobres, diversificando os processos de migrações.

b) os processos de migrações puderam ser harmonizados em função da desburocratização nos aeroportos dos países ricos.

c) os mecanismos de segurança, nas fronteiras dos países ricos, foram amenizados como tática para detectar os terroristas e impedir suas ações.

d) os estereótipos e as formas de discriminação foram ampliados no processo de migração de pessoas dos países pobres para os países ricos.





14 – “Existem mulheres que são uma beleza. Mas quando abrem a boca...hummm...que tristeza!Não, não é o seu hálito que apodrece o ar. O problema é o que elas falam que não dá pra agüentar. Nada na cabeça, personalidade fraca. Tem a feminilidade e a sensualidade de uma vaca. Produzidas com a roupinha da estação. Que viram no anúncio da televisão. Milhões de pessoas transitam pelas ruas, mais conhecemos facilmente esse tipo de perua. Bundinha empinada pra mostrar que é bonita e a cabeça parafinada pra ficar igual paquita. Lôrabúrra! Lôrabúrra! Lôrabúrra! Lôrabúrra! Lôrabúrra. Ordem e Progresso, sua b... é um sucesso. Lôrabúrra! (Música “Lôrabúrra” de Gabriel, o Pensador).

A partir do trecho da música “Lôrabúrra” é possível observar...

a) uma atitude preconceituosa contra as mulheres brasileiras.

b) Trata-se de um estereótipo discriminatório contra as mulheres que cuidam de seu corpo em academias e que se vestem bem..

c) Trata-se de uma múscica que critica a etinia loira brasileira.

d) Gabriel, o Pensador ao cantar esta música contribuiu para criar um estereópito.

8 comentários:

  1. A Questão numero 5 no caso seria resposta (A)???

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de ter as respostas das questões : 7 a 10
    Aguardando!

    ResponderExcluir
  3. pode dizer a resposta da quetão 14

    ResponderExcluir
  4. gostaria do gabarito de todas as questões
    grta

    ResponderExcluir
  5. qual a resposta da 12?

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua opinião a respeito desse tema ou a respeito da postagem. Dê mais vida ao blog, comente!